Ferramenta comportamental: Os feedbacks que engajam

Ana Paula Alvares — UX Researcher | Rio de Janeiro

Um modelo de avaliação colaborativa que começa de dentro para fora. Todas as pessoas Builders fazem parte da solução e podem realizar avaliação de todas as pessoas.

Se você ficou curioso, o objetivo desse artigo é listar dicas de como implementar o Feedback 360, contando um pouco do que é e como utilizamos em nossa jornada por aqui.

O que é o Feedback 360

Trata-se de uma avaliação disponível para todos avaliarem uns aos outros. Não existe restrição com relação a pessoas que vão executar esse processo independente da área que atua, nível, mentor ou mentorado. Esse processo visa melhoria contínua dos nossos Builders e trabalha aspectos voltados a soft e hard skills, capacitação, perfil comportamental e pontos que precisam ser evoluídos constantemente.

Como é feito o Feedback 360

Na Builders avaliamos onze condutas, são elas: Proativo, consultor, colaborador, comunicador, especialista técnico, evangelista, argumentador, construtor, visão holística, disruptivo e customer success.

A avaliação consiste em um formulário elaborado, por meio de temas ou perguntas, atribuindo responsabilidades,comprometimento, atuação em equipe, valores comportamentais e éticos. Por se tratar de uma avaliação onde todos participam, é fundamental esclarecer o objetivo e a responsabilidade das respostas, demonstrando que além dos pontos positivos e elogios, é extremamente importante destacar pontos que são necessários para se desenvolver e aprimorar ainda mais.

Importante reforçar que não é necessário o Builder avaliar todas as pessoas, apenas as que participam mais ativamente no processo. Cada pontuação (de 1 a 5) deve ter critérios bem definidos, para não apenas favorecer o próximo e sim promover o seu desenvolvimento.

Benefícios do Feedback 360

Entendemos que um Builder que recebe essa avaliação, faz uma autocrítica sobre o que pode evoluir e como melhorar seu relacionamento interpessoal. Por meio deste feedback, conseguimos identificar objeções que impedem desenvolvimento não somente no âmbito profissional, mas pessoal também.

Listamos alguns:

  • Maior engajamento de pessoas
  • Orientação para treinamentos
  • Maior transparência do desempenho das pessoas
  • Identificação mais assertiva de problemas
  • Cria uma cultura de feedbacks
  • Manter a comunicação contínua

Mapa de calor Feedback 360

Cada conduta tem uma média e apresenta um termômetro. Quanto mais vermelho pior o desempenho da pessoa Builder, o azul representa um desempenho que pode ser considerado bom, ótimo ou excelente. Definimos que a nota máximo é cinco. Adotamos esse sistema como forma de parametrizar avaliações, mostrando como o desempenho pode aumentar e diminuir mensalmente para cada Builder.

Gráfico do mapa de calor

Estamos conseguindo apresentar muitos resultados que almejamos: proximidade com Builders, empatia, assertividade nas entregas, mostrando senso de liderança e outras skills que estão sendo descobertas por muitos deles. Também não vamos negar aspectos que podemos melhorar.

O ponto aqui é que fomos audaciosos em implantar essa metodologia. A oportunidade de testar de forma disruptiva, trouxe visão genérica e um overview de planos de desenvolvimento.

E caso você ainda esteja se perguntando ‘’Qual a importância do feedback 360 em uma empresa de tecnologia’’? A relevância disso é trazermos informações mais concretas, inclusive sendo um dos critérios fundamentais para o Builders Awards.

--

--

Somos um time de pessoas inconformadas. Nosso propósito é exponencializar pessoas e negócios. Acompanhe nosso movimento!

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Builders

Builders

Somos um time de pessoas inconformadas. Nosso propósito é exponencializar pessoas e negócios. Acompanhe nosso movimento!